terça-feira, 20 de abril de 2010

11 meses em 1h26min

Por: Felipe Simi


Rafael Nadal. Nem lembrava a última vez que tinha falado dele aqui. Mas, no último domingo, em apenas 1h26min, ele deixou para trás um jejum de quase um ano (11 meses!) sem títulos e voltou, em grande estilo, às manchetes do tênis mundial. É que, pela sexta vez (seguida!) na carreira, ele ganhou o Masters 1000 de Monte Carlo.

Na verdade, sua campanha no principado foi um alívio. Afinal, de uns tempos para cá, seu rendimento em quadra tinha caído bastante. Só que, antes daquela final contra o compatriota Fernando Verdasco, ele tinha perdido apenas cinco sets e 14 games desde 2005. Fulminante, aplicou um pneu, cedeu um game só e fechou em dois a zero.

Foi a 32ª vitória dele em Mônaco, o 26º troféu no saibro e o 16º em Masters 1000. A menos de dois meses de completar 24 anos, Nadal ainda está atrás de Djokovic e Federer, longe de suas formas física e técnica ideais. Por outro lado, em Monte Carlo, já deu sinais de que está no caminho certo. A confiança, pelo menos, está de volta.

Imagem: Sebastien Nogier/Reuters

Um comentário:

Rafael Zito disse...

O Nadal é demais!!!

BlogBlogs.Com.Br