quinta-feira, 5 de novembro de 2009

"Vamos comemorar"

Por: Sabrina Machado


O Tricolor Paulista não conseguiu quebrar a invencibilidade do Tricolor Gaúcho no Olímpico, mas manteve um empate após três expulsões. O primeiro tempo estava ao estilo do time de Ricardo Gomes, mas foi o de Paulo Autuori quem abriu o placar com Rafael Marques. Mas o agora líder não desanimou e conseguiu o empate poucos minutos depois com Dagoberto. E só, o resto foi tudo no segundo tempo.

O Grêmio acordou sua torcida e foi para cima, o São Paulo respondia nos contra-ataques, até que Borges (que entrou no lugar de Washington) em dois lances foi expulso. Às vezes me pergunto por que a maioria dos jogadores de futebol não apresenta muita inteligência. Logo depois, foi a vez de Dagoberto ser expulso, só que com vermelho direto.

No finalzinho do jogo, Jean também foi merecidamente expulso. Antes de tudo isso, o Grêmio teve um pênalti não assinalado. Em suma, o São Paulo pode comemorar muito esse ponto conquistado fora de casa, pois o Palmeiras ainda enfrentará o Grêmio lá. Está certo que o Tricolor Gremista ficou longe da Libertadores com esse empate, mas não vai faltar candidatos com mala branca para fazer com que os jogadores mordam a bola contra o Verdão.

Na próxima rodada, apenas dia 14, o São Paulo receberá o Vitória. Antes precisa secar o Palmeiras, que enfrenta o Fluminense, no Maracanã e o Atlético-MG que recebe o Flamengo, no Mineirão. Além da equipe baiana, o Tricolor faz suas últimas partidas contra Botafogo, Goiás (ambos fora) e Sport (em casa), respectivamente.

P.S. O título do post é o nome de uma música do CD Deixa Acontecer do jornalista e cantor Celso Cardoso.

Imagem:
esporteradical.wordpress.com

4 comentários:

Mauricio disse...

Olá meu amigo, está bem e você página deportiva.Saludos visitame.

Felipe Simi disse...

Sá,

Foi um pontinho valioso mesmo. Mas para o jogo, não para o campeonato. Hoje, vejo essa vantagem são-paulina muito frágil, por um fio. O fim de semana, com certeza, trará novidades. Vamos esperar para ver.

Beijo.

Pedrinho-FolhaEsportiva disse...

É, foi uma partida atípica. Não é comum ver um árbitro manter a postura e continuar expulsando de um lado só quando se é necessário.
O Futebol se faz, primeiramente de arbitragem de coragem. Esse teve. Se souber o nome do árbitro, colabore aqui.
Abração
Pedrinho-FolhaEsportiva

Esteban dL disse...

quien es el boxeador de la foto???

BlogBlogs.Com.Br