sábado, 19 de julho de 2008

A incompetência da CBB nocauteou o Basquete brasileiro

Por: Rafael Zito

Não consegui resistir! O novo fracasso do basquete brasileiro me deixou muito triste. O que fizeram com o nosso basquete? Nunca tivemos uma geração tão boa quanto essa, porém, a administração é péssima. Com a perda da vaga, o Brasil ficará pela terceira vez consecutiva fora dos Jogos Olímpicos, o equivalente há 12 anos. Seria mera coincidência o fato de há exatos 11 anos a Confederação Brasileira de Basquete (CBB) ser administrado pela mesma pessoa?

Gerasime Bozikis, o popular Grego, está no comando desde 1997 e não contribui em nada para a evolução do esporte, pelo contrário, o Brasil atualmente joga um basquete ultrapassado. Assisti ao VT do jogo entre Brasil e Alemanha e o diagnóstico foi muito claro: o Brasil não tem ataque! É inadmissível uma equipe querer ganhar em competição de auto nível com marcas ridículas, como por exemplo, aproveitamento de 16% dos arremessos de três pontos. A sexta-feira, 18 de julho, pareceu mais uma sexta-feira 13. Foram 13 pontos, no primeiro período, mais 13, no segundo e outros 13 no terceiro. O Brasil só fez alguma coisa no quarto período, quando anotou 26 pontos. Porém, acredito que o desempenho foi melhor na última parte do jogo porque a Alemanha amoleceu a partida, acreditando que já havia vencido, o que por sinal acabou acontecendo.

Outra situação que ficou evidente foi à falta de preparo e de qualidade técnica de alguns jogadores. Ficou transparente que enquanto o basquete não evoluir internamente nós não sairemos do lugar. Atualmente, nenhum jogador que atua nos campeonatos pelo Brasil tem condições de jogar em nível internacional. Se o Brasil fosse um pouquinho melhor conseguiria vencer a Alemanha, que também é uma seleção limitada, que se conseguir a vaga olímpica, coisa que acredito, não deve passar das quartas-de-final, em Pequim. Uma seleção que comete erros acima do aceitável para quem almeja alguma conquista. O problema é que o Brasil, que antes não tinha jogada alguma ofensivamente, hoje tem, no entanto, não tem jogadores com capacidade e regularidade para fazer os pontos nos momentos cruciais e de dificuldade.

O fato de ficar fora de mais uma Olimpíada não é o mais grave. Isso é apenas uma conseqüência. Precisamos trabalhar nas causas. A Alemanha não disputa os Jogos desde Barcelona-92. A Itália, atual vice-campeão olímpica, não conseguiu vaga. A França, medalha de prata em Sidney-00, também não marcará presença. O problema do basquete nacional é que não conseguimos solucionar o que está sendo feito de errado. Não temos o que lamentar, é hora de começar a pensar já no novo ciclo olímpico para quem sabe marcar presença em Londres, em 2012. A primeira mudança passa pela troca de poder da CBB. FORA GREGO!

6 comentários:

Anônimo disse...

Sigue en directo con http://marcador-deportivo.blogspot.com/ el partido de la ida de la Copa Intertoto entre el Bnei Shaknin y el R.C. Deportivo de la Coruña. Muy buena imagen.

Un saludo.

Lucas Renato disse...

Acredito que são alguns fatores que determinam a nossa infelicidade no basquete.

Nossos jogadores, aceitemos, não são os melhores do mundo; alguns fizeram corpo bem mole, a CBB, pelo que vc diz, deve ser incompetente. E existem adversários qualificados. Mas minha opinião é a seguinte: o time é ruim mesmo! Pode ser melhorado. Mas que é ruim, ah, é!

Agrupacion Tradicional River Plate disse...

:

¡Un sincero y gran abrazo en el DIA DEL AMIGO!

Maurício Vargas disse...

Pois é Felipe, essa rodada foi difícil de escalar os times...vamos ver se o Flamengo vai continuar caindo, afinal já perdeu duas em casa, coisa que antes dificilmente acontecia!

Abraços

Maurício Vargas disse...

Pois é Felipe, essa rodada foi difícil de escalar os times...vamos ver se o Flamengo vai continuar caindo, afinal já perdeu duas em casa, coisa que antes dificilmente acontecia!

Abraços

Silvio Segundo disse...

E ae Rafael, blz?
Nossa que texto hem...

Acho que foi o melhor texto que vc fez nos últimos tempos...

Colocou sua opinião de forma clara e objetiva...

Até eu que não gosto nem um pouco de basquete, li até o final e gostei muito do seu prognóstico...

Boa...é isso ae...

Agora eu posso falar...

Parabéns...

BlogBlogs.Com.Br