quinta-feira, 14 de maio de 2009

Inexplicável

Por: Leandro Miranda



Não queria falar do jogo entre Sport e Palmeiras pela Libertadores, que já foi tema dos dois últimos posts, mas peço desculpas, pois não posso deixar passar: como Luxemburgo pode fazer uma coisa dessas com o time? O treinador armou sua equipe de forma excessivamente recuada, abdicando do ataque com Keirrison isolado na frente – estratégia que prejudica o futebol do centroavante, feito de tabelas rápidas e movimentação. No segundo tempo, tirou o camisa 9 para colocar o fraco Ortigoza, e ao mesmo tempo sacou Diego Souza, o motor do time, o homem que leva a bola ao ataque. Sem o meia, o Palmeiras parou de atacar e, como era de se esperar, levou o gol, encolhido no campo de defesa. A sorte do técnico foi Marcos ter feito uma de suas cinco melhores atuações com a camisa do Palmeiras.

Se até eu sei, com certeza Luxemburgo sabe que segurar um resultado é bem diferente de parar de jogar. Sou admirador do trabalho do treinador Luxemburgo, que ganhou notoriedade por montar times ofensivos e por suas alterações ousadas. Porém, na Ilha do Retiro, seus atos soaram como uma tentativa de roubar a cena, de aparecer mais do que os jogadores na classificação para as quartas-de-final. Não entendo o motivo de ter tirado dois dos batedores de pênaltis do time em um jogo onde o gol do Sport, pela postura do time alviverde, tinha grandes chances de sair a qualquer momento. O “mestre Luxa” teve atuação digna de Israel de Jesus (aquele que quis implantar uma espécie de ‘Laranja Mecânica’ na Portuguesa Santista).

Para finalizar: como eu havia comentado aqui no BlogJE, na previsão dos confrontos das oitavas-de-final, acho o Palmeiras um time mais forte do que o Sport. O time pernambucano é aguerrido e não se intimida com adversários tradicionais, mas a maioria dos jogadores são fracos. Se a equipe fosse mais competente, poderia ter se aproveitado da postura absurdamente recuada do Palmeiras, principalmente no segundo tempo – mesmo em dia abençoado de São Marcos.



7 comentários:

Maldita Futebol Clube disse...

cara, mas ele segurou um time embalado que teve oótima camapnha nas fases iniciais, apoiado por uma frenética torcida apaixonada e se classificou com um time que não tem nada de muito superior aos demais. palmas para ele tb e um estátua para Marcos no Verdão!

Rafael Zito disse...

Eu concordo com você Leandro. Ver um time do Luxemburgo atuar com a covardia q atuou foi algo inédito. Será q ele fez isso pq reconhece o qnto fraco eh o time q tem em maos? Tirar Keirrison e Diego Souza tb foi um erro... um dos dois tinha q ficar.

Pra mim a classificação verde foi apenas um sobrevida... nao dura mto... nao passa da proxima... cai pro nacional.

um abraçoooooooo

Persio Presotto disse...

é a velha e maldita mania de querer ser campeão jogando sem mostrar o melhor que tem a oferecer, com o regulamento embaixo do braço. abs, pp

Klaus disse...

Quééé isso!!

Não condordo!

Pense comigo: em 2007, o Santos fez uma campanha irretocável. Foi o 1° colocado geral, com seis vitórias. Depois, passou por Caracas (Venezuela) e América (México), pelas oitavas e quartas-de-final, respectivamente. Parou na semifinal, contra um limitado Grêmio. É um técnico vencedor e que, pela primeira vez, incorporou o "Espírito de Libertadores".

Abraços!

Bruno Zanette disse...

Será que o Luxemburgo finalmente aprendeu o espírito de Libertadores? Onde não existe jogo bonito, dribles, nem firulas. E sim futebol sério, com chegada, regulamento debaixo do braço e taça no armário. Afinal, o torneio serve para coroar, os verdadeiros Libertadores da América.

Abraço!

Felipe Simi disse...

Leandro,

Este Palmeiras, p/ mim, tornou-se um dos melhores conjuntos entre os quadrifinalistas da Libertadores. Saiu de uma eliminação quase irreversível p/ duas heróicas classificações. E graças a Luxemburgo, também. Fazer o quê?

Abraços.

Thiago Fagnani disse...

O Luxemburgo não sabe jogar Libertadores!

Está aprendendo aos poucos, mas o Palmeiras ainda sofre com seus erros na competição, mas o time está vivo.

O Palmeiras ainda é um dos grandes favoritos ao título, graças ao belo elenco que possui (está entre os 5 melhores do Brasil), que ainda está se entrosando, e calando a boca de muitos, que não acreditaram no time!

Já o Luxa, bom... aos pouco ele chega lá...

BlogBlogs.Com.Br