segunda-feira, 18 de agosto de 2008

O dia era delas

Por: Felipe Simi

Dia cheio em Pequim. Machucado, o ídolo chinês Liu Xiang, ex-recordista mundial nos 110m com barreiras, desistiu dos Jogos. Sequer competiu para valer, castigado por uma tendinite crônica no tendão de Aquiles. E, no Ninho de Pássaro, decepção; consternação.

O dia era delas. Na classe 470, Fernanda Oliveira e Isabel Swan trouxeram o quinto bronze para o Brasil. Vitória na última e mais valiosa regata, a da medalha. Atrás de Holanda e Austrália. E, nas águas de Qingdao, um pódio histórico para a vela feminina brasileira.

Na terra como na água. Com Formiga, Marta e Cristiane, o liso futebol feminino do Brasil prevaleceu sobre a Alemanha. 4 a 1, de virada. E, no estádio de Xangai, uma elástica – e inédita – vitória que pôs as garotas na segunda final olímpica consecutiva contra os EUA.

No céu como na terra. A russa Yelena Isinbayeva brindou hoje os chineses com três atos extras de um espetáculo aéreo que começou com recorde olímpico e medalha de ouro: nos dois primeiros, ela falhou; no terceiro, acertou. 5,05m, o novo recorde mundial.

Foi quando, no Ninho de Pássaro, a decepção de um, enfim, deu lugar à satisfação de outra.


Imagens: Corrière Dello Sport e Reuters

7 comentários:

Rafael Zito disse...

Yelena Isinbayeva = Linda e Fantastica!

As brasileiras da Vela empataram a disputa com o Judo. 15 medalhas pra cada modalidade.

Show de Cristiane! Marta fazendo gol estilo romario. Digamos q as brasileiras mostraram toda a "sensualidade" do futebol feminino nacional.

ps: LAMENTAVEL A ORGANIZAÇÃO DOS JOGOS. ESQUECER DE LEVAR A VARA DA FABIANA MURER FOI ALGO LAMENTÁVEL. SE OCORRESSE NO BRASIL A JUSTIFICATIVA SERIA PQ SOMOS 3° MUNDO. VERGONHOSO!

Thiago Fagnani disse...

Tendinite no tendão o de aquiles, sei muito bem o que é isso, e dói muito!

Salto com vara feminino, nem vou comentar, senão usarei palavrões.

Futebol feminino deu show, e vai nos trazer o inédito ouro do futebol, já que o masculino é a decepção de sempre.

Juan disse...

Que pena o do esportista chinés. Era un ouro seguro para China.

Um saúdo.
http://marcador-deportivo.blogspot.com/

Lucas Renato disse...

Olimpíadas são assim: felicidade de um, tristeza de outros.

E a Yelena continua esbanjando perfeição e beleza. Daqui a pouco, ela quebra o recorde de novo.

Abraços, mano.

Sabrina Machado disse...

Futebol é coisa de menina!!!

Elas mostraram o que é vontade de vencer e mostrar que estão com tudo no mundo da bola...

Salto com vara????

Como diria o Rafael, "lamentável"

Parabéns, pelo texto...gostoso de ler...

Esteban disse...

Olá... visitando... :D :)
jeje...!!!

Esteban disse...

Para mi... Boca, River... aunque no dejen de tener en cuenta a Rosario Central (mi equipo...).
Estudiantes viene mas o menos...

saudaçoes!

BlogBlogs.Com.Br